terça-feira, 1 de junho de 2010

Pelo poder do Arco-Íris!!!

Email recebido esses dias, solicitando aprovação de um comentário deixado em uma postagem de 2 anos atrás:

Anônimo deixou um novo comentário sobre a sua postagem "Preconceito é Crime!":

"Tenho pena de você! Em primeiro lugar porque você conhece (ou conheceu) a palavra de Deus e no fundo do seu coração você sabe que está errada.
Em segundo lugar, porque os homossexuais precisam de tanta proteção? Porque não temos essa proteção para os menores abandonados, para os que sofrem com a seca no nordeste, o que os homossexuais tem de diferente que não estão assegurados pela Constituição? Todos são iguais perante a lei, homem ou mulher! Homossexualismo não é um sexo, não existe um cromossomo xyz, é um COMPORTAMENTO de livre escolha de cada um que não merece um tratamento diferente da legislação que protege/condena uma pessoa do sexo masculino ou do sexo femimino!"

A postagem em questão, entitulada "Preconceito é Crime" - que você pode conferir na íntegra clicando aqui - abordava a então polêmica PLC 122/2006, que previa a criminalização da Homofobia. Apesar de ser um texto "antigo", escrito há 2 anos, é um dos posts mais acessados no meu Blog até hoje segundo o Live Traffic Feed.

Li e reli o comentário acima algumas vezes. Tentei ignorá-lo, principalmente por ser uma "opinião" escondida covardemente atrás do anonimato, mas não consegui simplesmente deixar pra lá, e é por isso que compartilho esta pérola da ignorância e do preconceito com vocês, queridos leitores. Uma triste amostra do pensamento que infelizmente ainda domina nosso mundo real.

Não vou reabrir a discussão sobre o preconceito porque já disse quase tudo que penso lá no post original e em vários outros em que abordei o assunto, e quem me acompanha aqui e me conhece um pouquinho sabe muito bem qual é a minha posição diante do preconceito de qualquer natureza: NOJO.

Queria apenas aproveitar que hoje é o primeiro dia do mês de Junho - mês do Orgulho LGBT em todo o Mundo e 14o. mês do Orgulho LGBT em São Paulo - para mais uma vez dizer que precisamos acabar com o preconceito se quisermos viver em um mundo melhor, precisamos aprender a respeitar as diferenças e ensinar isso para os nossos filhos desde pequenos, precisamos conjugar mais do que nunca o verbo RESPEITAR e AMAR o próximo pelo ser humano que ele é e não pelas escolhas que fez ou pela maneira que vive, enfim, precisamos nos preocupar menos com a vida dos outros e cuidar mais das nossas próprias vidas, porque a verdade é que cada um tem o direito de ser o que quiser, do jeito que quiser...

Ainda é apenas utopia. Ainda é um sonho distante. Mas há de se tornar realidade um dia...

Pelo poder do Arco-Íris!!!

8 comentários:

Marilia disse...

"O prazer pode apoiar-se sobre a ilusão, mas a felicidade repousa sobre a realidade."
Sébastien-Roch Chamfort

Nossa realidade, minha e de muit@s outros gays é de preconceito, de olhar por cima do ombro e de sermos discriminad@s mesmo que "de leve"... Parabéns pelos seus posts (o antigo e o novo)....

Um abraço, não anônimo

Marilia

Marilia disse...

"O prazer pode apoiar-se sobre a ilusão, mas a felicidade repousa sobre a realidade."
Sébastien-Roch Chamfort

A Minha realidade e a de muit@s outros gays é a de discriminação diária e de não saber de onde o preconceito vem.... Aplausos para você, hoje e sempre...

Uma abraço nada anônimo!!

Marilia

Jorge disse...

Acho que o preconceito, seja contra raça, credo, sexo, whatever, não tá com nada mesmo. Mas no fundo (quase) todos temos um ranço de preconceito. Acho até "normal", porém temos a obrigação de saber lidar com eles. Muitas vezes me pego tendo pensamentos ou atitudezinhas preconceituosas, mas paro e repenso: e se fosse eu?
Enfim, acho que o nosso pensamento é bem excludente sim, cada um tentando seu lugar a sombra e quando isso fica exarcebado, gera preconceito. Todo cuidado é pouco!

Welton Danner Trindade disse...

Eu diria a esse anônimo, que aprovar um projeto de lei garantindo a união civil entre homossexuais pode não durar mais que um mês. Só que há 510 anos, nenhuma lei pró-LGBT é aprovada no Brasil.
Sem essa de escolher entre gay, menor abandonado ou cachorro de rua! Queremos para todos e sempre. O Congresso Nacional, querendo, aprova até 20 projetos em um dia!!!
Tratar garantia de direitos como se fosse uma opção semelhante à dúvida sobre o que levar na mala para Jericoaquara no final de semana, isso é que é preocupante. E desumano.
Vá arranjar outra desculpa "fofa" para expressar sua homofobia! Essa não cola.

Fernanda disse...

tá aí uma coisa que me irrita profundamente, amiga.
a pessoa argumenta que o homossexual não tem nada de diferente e que não precisa ser tratado de forma diferente, mas faz um estardalhaço na hora de encarar uma situação que gera preconceito.
enfim, também tenho nojo dessas pessoas, quem sabe um dia a gente consegue dizimar essa corja!
bjks!

Roberta disse...

Não resisti..... preciso comentar. rs
Como assim palavra de Deus???? Querido anonimo, vc acha que se fosse pecado o homosexualismo não exitiria desde a roma antiga???? Foram os cristãos, nas malditas "cruzadas" (matança desnecesaria para adquirir terras, que a igreja propôs) que instituiu esse "pecado". Leia, se informe, estude e vc verá que "a palavra dse Deus" nunca segregaria.
Ponto 2 - se fosse permitido adoção entre pessoas do mesmo sexo.. te garanto que os "menores abandonados" estariam em menor número.
Ponto 3 e mais importante. NÃO É UMA ESCOLHA, te garanto.
Aiii ignorantes.... me irritam. rs

TatinhaZ disse...

Santa ignorância!!!!
Há... e Palavra de Deus? Cadê o amor ao próximo nessa história?
Beijo

Laudo Bonifácio Junior disse...

...não tem nada a ver...mas tem tudo a ver...indico a todos a assistirem o filme "as melhores coisas do mundo" da lais bodansky...que trata de diferentes formas de preconceitos que estão na nossa cara no dia a dia...que serve prá dar um tapinha na cara de gente estúpida ou pseudo-informada....e concordo...poder do arco-iris...assim como poder para o povo preto....empoderamento para todos....