terça-feira, 27 de maio de 2008

Feriadão em Saquarema

Pois é... Como já adiantei no post anterior, toda essa história de casamento + feriadão + Rio de Janeiro acabou rendendo pra nós um agito e tanto no último feriadão do ano...

Não sou muito de viajar em feriado porque odeio os engarrafamentos enormes que se formam nas estradas, odeio litoral ou campo lotados de turistas às vezes (ou quase sempre) estressados e mal educados, odeio ver o "povo da cidade" jogando lixo nas praias, e acabo optando por ficar em Sampa e aproveitar o vazio deixado por aqueles que debandaram pra descansar e até mesmo curtir um pouco lugares que nem percebemos na correria do dia a dia.
Mas dessa vez foi diferente. Tínhamos vários excelentes motivos pra encarar uma viagem nessas condições, e conseguimos nos organizar pra antecipar a ida e antecipar a volta, de modo que não pegamos praticamente nada de tumulto nas estradas.

Então na quinta-feira-feriado, ainda de ressaca da festança da noite anterior (o casamento da Aline), eu, meu marido, meu filhote e meus enteados partimos para Saquarema/RJ, rumo à nossa aventura de final de semana prolongado.

Ficamos hospedados na casa de praia dos nossos padrinhos Gastão e Marcilene (que não puderam ficar conosco porque trabalhariam na sexta-feira), e como diz o ditado: "foi só os gatos saírem para os ratos fazerem a festa!".

Pensem numa vida difícil! Eu estava de folga total, isso era uma condição da qual eu não abri mão para topar a viagem, então nem mesmo o café da manhã nós fazíamos na casa... Todas as refeições eram na rua, ficávamos na Praia durante toda a manhã e parte da tarde, e terminávamos o dia na piscina da casa, bebendo todas e bagunçando muito...

Em tese, seriam 2 adultos e 3 "crianças" (tá, 1 criança, 1 adolescente e 1 adolescente-quase-adulto, que seja!). Mas na prática eram 5 crianças, um pior que o outro! Eu ri muito com meus enteadinhos cariocaxxxxxx cheios de marra, jogamos Uno, ouvimos música, falamos lorotas e brincamos até não poder mais! Show de Bola!

Eu desconectei totalmente do mundo... não levei notebook pra não ficar tentada a me conectar regularmente, achei ótimo que o sinal do celular na casa de praia era péssimo, então fiquei pela primeira vez em anos totalmente relaxada sem pensar num email que estivesse chegando ou numa ligação prestes a acontecer... De vez em quando é tão bom desligar... preciso lembrar disso com mais frequência!

Pena que tudo que é bom dura pouco, e no sábado à noite tivemos que abandonar o paraíso e voltar à cidade... Ainda curtimos um tantinho da noite no Rio, programa de pai e filhos (e eu de intrometida junto): fomos ao cinema, tomamos sorvete, coisinhas assim, mas no domingo logo cedo levantamos acampamento e viajamos de volta pra São Paulo, onde a vida real nos esperava de braços abertos...

E então o que era doce se acabou... Mas ficam as recordações de bons momentos vividos intensamente, e da alegria de pessoas que se amam curtindo a simplicidade da vida juntas. Foi especial!


Já pensou almoçar todo dia com esse cenário ao fundo?

Já na chegada, o Lucas "precisava" dar um OI para a Areia... Pense numa criança que gosta de areia!!!

Imagem auto-explicativa

Se joga, Lucas!

Os Anjinhos - Yan, Lucas e Ully



Lucas à milanesa
Lucas Empanado (sacanagenzinha dos irmãos mais velhos)

5 comentários:

Fernanda Perrú disse...

pena que não deu pra gente se ver... mas surgirão outras oportunidades!

saquarema é tudo de bom! principalmente quando se vai sem ter compromisso com nada!

eu tenho que arejar mais e relaxar tem que deixar a vida rolar!
e o Lucas? que isso? essa criança é fanática por areia! morando em Sp? o bichinho faz a festa quando pode! lindo!

bjks!

As partes interessadas disse...

Ihuuuuu! Ó eu aqui! Ando sumida de tudo que é lugar tentando terminar pra amanhã uma encomenda de uma ceeeeeerta pessoa!
Pois é, pessoa, é amanhã que acabo, se Deeeeeeeus quiser!
PS: Flavitcha, se alguém gostar da almofada, fiota, diz que vc ganhou e não faz a míiiiiiiinima idéia de onde conseguir uma. Deu trabalho demaaaaaaaaaais a bichinha, sei se faço dela mais não... Tive que costurar todos os fuxicos, um a um... aff... pelo menos arrumei solução pro problema do fecho. Coloquei um 'vivo' na almodafa e pude esconder o acabamento embaixo dele, sem atrapalhar nada... Ficou como vc queria: capa com fecho, ok? E ficou tão bonita que acho que, se for fazer mais alguma, vai ser pra minha casinha. Só que bem menorzinha, que de 30cm quero mais não! ihihihihihihi...
Amanhã a noite acho que acabo a segunda e na quinta vou ao correio pesar tudo. Aí te digo quanto ficou faltando, ok?
Bjocas!
PS: uma das bolsas tá publicada no Paleta, vc viu?

Karla disse...

Não precisa dizer mais nada pq vc realmente estava feliz.
Que vida boa né srrsrsr, que bom que vcs aproveitaram bastante esse último feriado.

Mil bjs

Fê, a noiva neurótica! disse...

como éééééééééééé que vc deixa o lucas brincar de pobre a milanesa? hauhahuahuahahuahua


:D

saudades mil.
tem coisa pra vc no meu blog
:)*****

Lucy e Jeff disse...

oiee lindaaaaaaaa brigaduuu pelo carinho pela força .... te gosto muito viu e vou postar umas fotinhos do casório que o povo tirou essa semana, bjssssssssssssss mil e agora estou no seu time rssss